Nakata se destaca na liderança entre as marcas que os mecânicos de todo o Brasil mais gostam

    Qualidade do produto, confiança, atendimento e serviços contam na avaliação feita pelos profissionais ao elegerem as marcas que mais gostam de usar na oficina.    A 3ª edição da pesquisa O Mecânico IBOPE Inteligência, da editora Infini, realizada com 1.020 profissionais da reparação de veículos de todo o Brasil, entre os dias 26 de março e 05 de junho deste ano, destaca as marcas de autopeças mais adoradas e compradas no mercado de reposição. A Nakata, fabricante líder em componentes para o sistema de suspensão no mercado de reposição, mantém, pelo segundo ano consecutivo, a vice-liderança no ranking geral de todas as marcas preferidas pelos mecânicos. Além de ter galgado da terceira para a segunda posição desde a primeira edição nesse requisito, a empresa evoluiu também subindo cinco pontos nesta importante avaliação. Esta boa performance da Nakata que a pesquisa apresenta, segundo Sergio…

Leia Mais

Portfólio Nakata contém mais de 160 itens para veículos comerciais leves das principais marcas

São produtos de várias linhas de produtos que atendem vans que servem para ambulâncias e veículos de transporte de cargas utilizados para entregas delivery de serviços e produtos essenciais nesta época de pandemia. Além do aumento do tráfego da frota de ambulâncias, serviço essencial de transporte para atendimento da população nesta época, as medidas de restrição social para combater o avanço do novo coronavírus impactaram a rotina dos brasileiros e a saúde financeira de empreendedores. Com as portas fechadas, o comércio precisou se reinventar para garantir algum faturamento durante esses meses de pandemia. Além de restaurantes e bares, outras empresas têm apostado nos serviços de entrega para enfrentar a crise. De lojas de roupa, perfumarias, floriculturas e pet shops, bem como lojas de autopeças, distribuidoras de bebidas e alimentos intensificam o delivery, aumentando o consumo e desgaste desses utilitários. Serviços de revisão e manutenção tornam-se…

Leia Mais

Como substituir amortecedor mola a gás do porta-malas

  Procedimento é simples, seguindo o passo a passo da dica da Nakata.   Responsável por auxiliar a abertura da tampa do porta-malas, sustentando-a aberta, o amortecedor mola a gás sofre desgaste ao longo do tempo, como vazamento do gás, dificultando a abertura e comprometendo inclusive a segurança dos usuários do veículo. A substituição desse componente, embora simples, exige cautela para segurar com firmeza a porta aberta, enquanto faz a troca. “Com uma das mãos segure a tampa, enquanto com a outra use uma chave de fenda para remoção das travas superior e inferior. Feito isso, faça a remoção do amortecedor mola a gás. Para a instalação, fixe o componente nas pontas indicadas no verso da embalagem que indica todo o procedimento passo a passo”, explica Jair Silva, gerente de serviços e qualidade Nakata em mais um vídeo Palavra do Especialista Nakata no YouTube. Para…

Leia Mais

Nakata conta com 236 itens para veículos Toyota

  São componentes das linhas de freio, motor, transmissão, suspensão e direção para os principais modelos da marca japonesa.   A Nakata, fabricante de autopeças no mercado de reposição, líder em componentes undercar, conta com 236 componentes das linhas de freio, motor, transmissão, suspensão e direção para veículos da marca Toyota.   Na linha de freio, há 31 itens, entre eles, pastilhas de freio para Corolla, Etios, e Hilux; sapatas de freio para SW4 e Etios; e cubos de roda para Corolla, Fielder e Hilux.  Já no segmento motor, possui 14 itens, entre eles, bomba d’água para Corolla; bombas de óleo para Bandeirante e Corolla; e coxim do motor para Hilux.   Entre os itens de transmissão, possui 79 componentes como cruzeta, juntas fixas, tripeças, tulipas, semieixos homocinéticos, garfo, kit de reparo das juntas homocinéticas, kit planetária e satélite,  luva e ponteira.   Nos segmentos…

Leia Mais

Conheça os sinais de problemas no pivô de suspensão

Batidas secas e ruídos agudos em curvas ou desníveis podem apontar desgaste no pivô de suspensão.   Também conhecido como pino esférico ou articulação, o pivô de suspensão tem como função ligar o chassi do veículo com o telescópio e manga de eixo, além de possibilitar o movimento rotacional e angular das rodas. “O motorista deve estar sempre atento à manutenção do pivô de suspensão, pois caso o componente atinja um desgaste muito acentuado pode sacar ou mesmo quebrar e ocasionar acidentes de graves proporções”, afirma Jair Silva, gerente de qualidade e serviços da Nakata. Segundo Silva, a inspeção preventiva  do pivô deve ser feita de acordo com o prazo estipulado pelo fabricante. No entanto, se o condutor dirigir constantemente em vias esburacadas é indicado avaliar em intervalos menores de tempo. “É preciso observar se há indícios de deterioração das coifas e ou  folgas. batidas…

Leia Mais

Como evitar vazamento durante troca de óleo do câmbio na oficina

Mecânico reaproveita peça usada para vedar câmbio durante o serviço. Manter a oficina limpa, atendendo às leis ambientais, diminuindo a poluição e o lixo acumulado, além de impressionar o cliente e também é uma iniciativa que permite reaproveitar materiais. Fernando Neves, sócio proprietário da Auto Mecânica Neves, em Mauá, São Paulo-SP, revela que nada na oficina se perde e tudo pode ser transformado. Sem gastar um centavo, o mecânico aproveitou peças destinadas para o lixo e conseguiu interromper o vazamento de óleo. “Os diâmetros das tampas das juntas fixas Nakata novas para Volkswagen Gol e da coifa do semieixo do Uno são iguais e, por isso, elas são ótimas para vedar os câmbios da Fiat. Dessa maneira, é possível fazer a reparação do câmbio ou substituição da embreagem sem derramar nenhuma gota”. O vazamento de óleo é um dos problemas que gera mais dor de…

Leia Mais

Manutenção preventiva no sistema de lubrificação em veículos parados durante a pandemia pode evitar danos ao motor

  Verificar nível de óleo, observar se há vazamentos e o momento da troca do óleo e do filtro são algumas dicas de manutenção da Nakata para o sistema de lubrificação.   Com o advento da quarentena, os veículos permaneceram mais parados nas garagens e, com isso, os motoristas devem tomar cuidados para verificar alguns itens básicos, como bateria, calibragem dos pneus e nível do óleo lubrificante e tempo da troca. O sistema de lubrificação, por exemplo, responsável por diminuir o atrito entre as peças móveis do motor, evitando assim o desgaste prematuro das peças. É composto por bomba, filtro de óleo, válvula reguladora de pressão, pescador de óleo, cárter, em alguns veículos radiador de óleo, endo de fundamental importância estar em boas condições para garantir o bom desempenho do veículo.   O sistema de lubrificação também auxilia a reduzir parte do calor gerado pelo…

Leia Mais

Nakata oferece mais de 200 itens em seu portfólio para modelos Citröen

  São itens de sistemas de freio, suspensão, direção, motor e transmissão para os principais modelos da marca francesa no aftermarket brasileiro. A Nakata, fabricante de autopeças com linha de componentes para suspensão, transmissão, freios e motor, líder em componentes undercar, mantém seu compromisso em assegurar ampla cobertura da frota circulante e, por isso, oferece uma linha completa de itens para o mercado de reposição. Para os veículos Citröen, a Nakata oferece portfólio com 211 itens dos sistemas de suspensão, freio, direção, motor e transmissão para atender os veículos mais vendidos da marca, como Berlingo, C3, C4, Picasso e Xsara. Na linha de suspensão e direção, são mais de 130 produtos, entre amortecedores HG, convencionais e mola a gás, kits de amortecedor; kits de batentes; terminais axiais e de direção; bieletas; pivôs de suspensão; buchas de bandejas; coxins de amortecedor e do motor; bandejas de…

Leia Mais

Conheça alguns dos indícios de desgaste de cubos de rodas

01/06/2020 por Majô Gonçalves em Manutenção de veículos,Nakata,Reparação de veículos

Excesso de folga nas rodas, volante vibrando e ruído podem indicar comprometimento dos cubos de rodas.   Parte dos itens de segurança do veículo e responsável não só por dar suporte ao disco de freio e roda, mas transmitir o torque das juntas homocinéticas para as rodas, os cubos, montados em eixos dianteiros ou traseiros, apesar de resistentes, merecem atenção na hora da manutenção. “É recomendável fazer inspeções periódicas para analisar as condições dos cubos de rodas já que a queda de uma roda em alta velocidade pode ocasionar graves acidentes, bem como se um rolamento causar o travamento da roda”, alerta Jair Silva, gerente de qualidade e serviços da Nakata. Segundo Silva, os motoristas devem ficar atentos a quaisquer sinais de desgaste, como folgas, volante vibrando e ruídos em altas velocidades. “Caso as esferas ou roletes  de aço no interior dos rolamentos se danifiquem…

Leia Mais

Clientes