Motorservice destaca estrutura e características dos pistões

PISTÕES E SUAS CARACTERÍSTICAS   Nova Odessa, 24 de Maio de 2022   Motorservice destaca estrutura e características dos pistões   Legislações e normas exigem inovações tecnológicas e novos materiais para atender índice de emissões de poluentes e suportar tensões térmicas e mecânicas elevadas. Com a evolução das normas de emissões, novas tecnologias, bem como novas ligas e materiais de fundição, tratamentos superficiais e características dimensionais são desenvolvidas. Além disso, os pistões estão sujeitos a condições de operações de tensões mecânicas e térmicas extremamente elevadas. Os pistões podem ser de alumínio devido à alta capacidade de carga mecânica e de condutividade. Os pistões articulados contam com a parte superior em aço e a saia em alumínio, possibilitando maior resistência a elevadas pressões e temperaturas. Os pistões forjados em aço são mais resistentes a altas pressões de combustão em temperaturas máximas. Os pistões da Kolbenschmidt (KS)…

Leia Mais

Nakata conta com 162 itens de linha de produtos para veículos da Nissan

  Portfólio contempla peças para suspensão, direção, motor, freios e transmissão para vários modelos, como Kicks, Frontier, Versa, March, Sentra, Livina, Grand Livina, Tiida, Altima, Pathfinder, Xterra, entre outros   A Nakata, líder em componentes para o sistema de suspensão no mercado de reposição, possui 162 componentes de suspensão, direção, motor, freios e transmissão no portfólio, garantindo ampla cobertura para os veículos mais vendidos da Nissan. Há itens para os modelos Kicks, Frontier, Versa, e também para outros veículos da marca, como March, Sentra, Livina, Grand Livina, Tiida, Altima, Pathfinder, Xterra, entre outros. Na linha de suspensão e direção, há 98 componentes, entre amortecedores, kits de amortecedores, mola a gás, bandejas de suspensão, buchas da bandeja, pivô de suspensão, bieletas, caixa de direção e terminais. (axial e de direção) para vários modelos da marca.   A linha de transmissão apresenta 30 itens para a marca entre juntas…

Leia Mais

Indústria de autopeças deve ter resultados positivos em 2022

Faturamento líquido nominal deve crescer e chegar a R$ 178,5 bilhões, rumo a novos players na área de dados e mídia, novas receitas e outros avanços na mobilidade híbrida e elétrica.   As estimativas para a indústria de autopeças são otimistas, porém há muito ainda para avançar. O faturamento líquido nominal da indústria de autopeças deve chegar a R$ 178,5 bilhões em 2022, ante dos 164,6 bilhões para 2021, registrando acréscimo de 9%, de acordo com as previsões do Sindipeças. Já a produção de veículos deve somar 2,4 milhões de unidades neste ano. “O objetivo da indústria automotiva é aumentar esse volume e alcançar 5 milhões de unidades, acompanhando a evolução e as transformações impostas pelo setor mundialmente”, afirmou Carlos Eduardo Gonçalves Cavalcanti, Assessor de Economia do Sindipeças, no dia 12 de maio, na palestra “Perspectivas para Cadeia Automotiva no Brasil”, no  “Abra Talks”, evento…

Leia Mais

Auto Stop Nakata para avaliação gratuita de amortecedores acontece na loja SIM Pneus de Santo André

  Checagem ocorre nos dias 27 e 28 de maio com e permite identificar as condições e desgastes dos amortecedores   A Nakata, fabricante de autopeças com amplo portfólio de componentes para suspensão, transmissão, freios e motor, realizará checagem gratuita de amortecedores na loja SIM Pneus, unidade de Santo André-SP, nos dias 27 e 28 de maio. Na ocasião, motoristas poderão saber como estão as condições dos amortecedores, itens essenciais de segurança e estabilidade do veículo. A checagem é realizada com máquina shocktester, que submete o conjunto de componentes a variações de baixa, média e alta frequência, por meio de simulações automáticas de variados tipos de solos. Ao final, é emitido relatório com o resultado da análise efetuada.   Quando estão desgastados, os amortecedores apesentam sinais, entre eles, ruídos ou impactos acentuados ao passar em lombadas e depressões, balanço excessivo em arrancadas e na frenagem e…

Leia Mais

Água no óleo do motor nem sempre é problema na junta do cabeçote

DICA TÉCNICA   Nova Odessa, 19 de Maio de 2022   Água no óleo do motor nem sempre é problema na junta do cabeçote   É preciso observar também o radiador do óelo ou trocador de calor do lubrificante.   Quando há água no óleo do motor e óleo no sistema de arrefecimento nem sempre ocorre o comprometimento da junta de cabeçote. Às vezes, pode ser uma falha ou passagem no radiador de óleo ou trocador de calor do lubrificante. O lubrificante não é apenas óleo e sim a soma de aditivos e óleo básico, recomendado pelo fabricante do motor. Ele lubrifica, limpa, evita a oxidação e também é agente refrigerante das peças. O lubrificante vai até as peças, rouba temperatura, desce até o cárter, perde temperatura já que o cárter também faz refrigeração e depois passa pelo trocador de calor ou radiador de óleo,…

Leia Mais

Funcionamento dos tipos de suspensão de caminhão

  Cada modelo possui arquiteturas distintas que interferem na forma de atuação    O sistema de suspensão conta com diversos componentes que tornam o veículo não só mais confortável, mas também mais seguro. Por isso, é importante conhecer as peças que o compõe e saber sobre a importância da manutenção desse sistema. “Formada por um conjunto de peças que liga o chassi às rodas, a suspensão tem a função de garantir o contato dos pneus com o solo, estabilizar os impactos sofridos pelas rodas, proporcionando conforto e segurança ao veículo”, comenta Edson Vieira, técnico da Nakata. Instaladas em cada um dos eixos do veículo, as suspensões apresentam arquitetura diferenciadas se dividem entre independente ou dependente. Na suspensão dependente de um caminhão ou ônibus, há um eixo rígido transversal e dois feixes de mola. “Qualquer movimento de um dos lados da suspensão interfere no outro, por…

Leia Mais

Condições do kit de reparo interferem na vida útil da junta homocinética

  Composto por coifa, abraçadeiras e graxa de bissulfeto de molibdênio, deve estar em boas condições para proteger as juntas homocinéticas, tulipas e tripeças   Localizadas nas pontas dos semieixos, as juntas homocinéticas são as peças que transmitem a potência gerada pelo motor para as rodas. Exercem importante função e, por isso, requerem especial atenção na hora da manutenção. Um dos componentes que devem ser observados é o kit de reparo da junta homocinética, composto por coifa, abraçadeiras e graxa de bissulfeto de molibdênio. “Ao fazer a manutenção é fundamental analisar as condições do kit de reparo da junta homocinética, porque é ele que protege os demais componentes de desgaste e garante a sua durabilidade”, alerta Jeferson Credidio, gerente de engenharia e qualidade da Nakata. O kit pode ser comprometido, pois está sujeito a vários tipos de danos, como deterioração por tempo de uso, exposição…

Leia Mais

Kolbenschmidt (KS) e Pierburg participam da 10ª edição da Autopar com novidades

A divisão responsável pela comercialização das marcas Kolbenschmidt (KS), Pierburg e BF para o mercado de reposição, apresentará de 11 a 14 de maio, na 10ª edição da Autopar – Feira de Fornecedores da Indústria Automotiva, no Expotrade Pinhais, em Curitiba/PR, diversas novidades do amplo portfólio de componentes para motores linha leve e para o segmento pesado. “A Autopar é sempre uma excelente oportunidade de estarmos mais próximos ao mercado, especialmente, dos clientes da região Sul. Mas hoje vemos clientes do Brasil inteiro presentes na feira e com o retorno dos eventos presenciais será um momento importante de resgate do mercado”, afirma Talita Peres, gerente de marketing da empresa. A empresa pretende lançar ainda neste ano 433 itens no mercado de reposição, sendo 266 para linha leve, como anel, pistão, bronzina, bielas e camisas de cilindro; 88 para veículos pesados, como buchas de comando, bronzinas…

Leia Mais

ARTEB patrocina Expedição Internacional do Rota do Asfalto

  Com os novos faróis da linha ARTEB Clássicos, o Ford Belina 1988 iluminará o caminho para a Cordilheira dos Andes, num trajeto de 7.000 km ida e volta.   A ARTEB, uma das principais fabricantes mundiais de sistemas de iluminação para o setor automotivo, patrocina projeto Rota do Asfalto, que organiza viagens de carros clássicos de curta e longa distância e também atua na manutenção e restauração. Em 2022, o destino da aventura a bordo do modelo Ford Belina 1988 será a Cordilheira dos Andes. No total, serão percorridos 7.000 km no trajeto de ida e volta e muitos desafios terão que ser superados, como as típicas condições climáticas da região, com temperaturas negativas e ar rarefeito. O modelo ganhou novos faróis da linha de produtos ARTEB Clássicos, que, além de melhorar a aparência, levou a maior eficiência na dirigibilidade já que garantem melhor…

Leia Mais

Clientes